Share
“Batman Ninja” é uma animação ousada da DC Entertainment

“Batman Ninja” é uma animação ousada da DC Entertainment

Pense em tudo que define uma animação como tipicamente japonesa. Os olhos grandes e expressivos, muitas lutas épicas, explosões, poses congeladas, ninjas, samurais, robôs gigantes e mega robôs. Agora, junte nessa receita o Batman. É, ele mesmo, o homem-morcego. O resultado será uma das animações mais ousadas e diferentes já produzidas pela DC Entertainment.

Em Batman Ninja o defensor de Gotham é transportado por uma máquina do tempo, criada pelo vilão Gorila Grood. Acaba sendo enviado para o Japão feudal, época dos honrados samurais e dos furtivos ninjas. Mas ele não foi sozinho. Assim como seu bat-time, alguns dos maiores vilões de Gotham também foram transportados.

E possuem em seu poder as quatro maiores províncias japonesas. Óbvio que nenhum deles quer apenas uma delas. Mas sim o Japão inteiro, colocando em risco os rumos da história.

Para quem está acostumado com as animações da DC Entertainment o visual pode parecer esquisito. Emulando o traço dos animes e mangás, há grande presença de texturas e até a movimentação dos personagens está diferente. Quase como se eles tivessem saído das páginas das revistas em quadrinhos.

Essa diferença das animações ocidentais pode causar ao espectador certa estranheza. Os acontecimentos e cenas beiram o exagero. Com grandes castelos feudais que criam braços mecânicos e tornam-se robôs gigantes. Tal qual as poses e até mesmo as roupas dos personagens, que misturam um pouco do clássico e um pouco da cultura nipônica. Não sabemos se essa era realmente a intenção dos criadores. Desenvolver uma sátira ao estilo japonês de animação, ou se essa estranheza está ligada apenas ao fato de que não estamos acostumados a ver o sombrio Batman com tantas cores e texturas.

O estilo de narrativa de Batman Ninja segue também o mesmo padrão dos clássicos japoneses. Fala de princípios e traz ao final uma lição sobre aprendizado interior e honra. Sem dúvida uma forma diferente de ver o homem-morcego. Em especial, para aqueles que não costumam assistir a esse tipo de animação. Pode-se dizer que é uma nova forma de ver um herói tão conhecido como Batman, a partir de outra perspectiva que é uma animação japonesa.

De todo modo, a animação traz personagens famosos, uma trama bem feita e é diversão garantida a todos. Esteja você acostumado com o estilo de animação ou não.

Ficha Técnica
Diretor: Junpei Mizusaki 
Roteiro: Kazuki Nakashima, Leo Chu
Elenco: Eric Bauza, Adam Croasdell, Grey DeLisle, Will Friedle, Tony Hale, Tom Kenny, Yuri Lowenthal, Roger Craig Smith, Tara Strong, Fred Tatasciore, Matthew Yang King 
Duração: 1h25min