”Diablero” não atinge todo o seu potencial
Permalink

”Diablero” não atinge todo o seu potencial

Produzida pela Morena Films e baseada no livro El Diablo me Obligó do escritor mexicano Francisco…

Continue Reading →

“You” é o thriller psicológico que a Netflix precisava
Permalink

“You” é o thriller psicológico que a Netflix precisava

Não há dúvidas de que 2018 foi um ano vitorioso para a Netflix. O serviço…

Continue Reading →

“Tidelands” possui certo potencial
Permalink

“Tidelands” possui certo potencial

Os segredos e criaturas escondidos nas profundezas das águas da bela Orphelin Bay servem de…

Continue Reading →

“1983” é uma série necessária
Permalink

“1983” é uma série necessária

Há algum tempo a Netflix tem trabalhado na diversificação de seu catálogo. Com isso produções…

Continue Reading →

“Segurança em Jogo” te prende nos minutos iniciais
Permalink

“Segurança em Jogo” te prende nos minutos iniciais

Segurança em Jogo (Bodyguard, título original) é uma minissérie com apenas 6 episódios. Disponível na…

Continue Reading →

A ousadia de “Baby” nos faz refletir
Permalink

A ousadia de “Baby” nos faz refletir

Depois da polêmica envolvendo a suposta propagação de gordofobia com a série Insatiable,  a Netflix se…

Continue Reading →

“Fugitiva” vai além de uma trama policial
Permalink

“Fugitiva” vai além de uma trama policial

A mais nova aquisição da onda hispânica que invadiu a Netflix, a série Fugitiva, estreou…

Continue Reading →

O medo é o alimento em “A Maldição da Residência Hill”
Permalink

O medo é o alimento em “A Maldição da Residência Hill”

A construção de um filme de terror não é uma tarefa fácil. Exige uma série…

Continue Reading →

“Punho de Ferro” – O melhor e o pior da 2ª temporada
Permalink

“Punho de Ferro” – O melhor e o pior da 2ª temporada

A primeira temporada de Punho de Ferro dividiu opiniões. Fui uma das que defendeu a…

Continue Reading →

O ponto alto de “Bordertown” é a narrativa
Permalink

O ponto alto de “Bordertown” é a narrativa

Se tem um ponto alto da Netflix são as séries estrangeiras. E não me refiro…

Continue Reading →