Share
Hugh Jackman esbanjou simpatia na coletiva de ‘Logan’

Hugh Jackman esbanjou simpatia na coletiva de ‘Logan’

Numa enorme e luxuosa sala no Hyatt Hotel em São Paulo, jornalistas de veículos de grande, médio e pequeno porte de todo o Brasil aguardavam ansiosos para entrevistar Hugh Jackman.

O ator que dá vida ao conflituoso mutante Wolverine agendou uma entrevista coletiva para falar sobre o filme Logan que chega aos cinemas brasileiros em 2 de março e marca a sua despedida como o bad boy/herói das garras de adamantium.

Depois de assistirem ao filme numa cabine especial para imprensa, era claramente difícil para os jornalistas presentes separarem a posição profissional do estado de fã eufórico. Muitos vestiam camisetas do X-Men ou do próprio Wolverine e a agitação era geral. Num look esporte fino, trajando camisa social e blazer, Hugh Jackman foi anunciado e entrou para o bate papo mediado por Erico Borgo do site Omelete.

A simpatia foi imediata. Horas antes, quando desembarcou em São Paulo, Jackman postou em suas redes sociais um vídeo falando em português sobre estar tomando um “pingado” em uma “padoca”. Da mesma forma ele entrou na coletiva agradecendo a todos em português. E bem diferente do Logan assustador e violento do mais recente filme, Hugh Jackman demonstrou desde sempre muita simpatia para com o público presente e bem menos pelos pelo corpo. Com um discreto curativo no nariz por conta de um recente tratamento de câncer de pele, Jackman respondeu atenciosamente a todas as perguntas sobre o longa.

Estou feliz de estar em São Paulo tomando meu primeiro pingado // I’m happy to be in São Paulo drinking my first pingado at Padoca do Mani

Uma publicação compartilhada por Hugh Jackman (@thehughjackman) em

Em 17 anos vivendo o Wolverine, esse novo projeto é sem duvidas a edição mais violenta do personagem. “É uma história com muita violência e eu acho que você não pode entender o Logan sem entender o que a violência causou nele e causou naqueles ao redor dele”, diz Jackman sobre isso.

O ator não poupou sorrisos e em determinado momento pediu que um fã/jornalista fosse até o palco lhe entregar rapaduras e um desenho como presentes. Se alguém naquela sala não tinha se apaixonado por ele ainda, esse momento foi determinante.

Estamos nos despedindo de uma atuação icônica de mais de uma década. Sobre dar vida a pela última vez para o grande Wolverine, “É doce e satisfatório”, diz ele. “Eu estava muito nervoso até ontem de noite, quando vi o filme pela primeira vez junto do público em Berlim”, completa.
Sobre o que esperar de Logan quando estrear? “Eu acho que Logan honra o espírito de Wolverine, os fãs vão dizer: Finalmente, um filme bom do Wolverine”. Quem diz é o próprio.

Logan estreia nos cinemas em 02 de Março e você vai poder conferir a crítica em breve aqui no site!