Share
Os segredos atrás dos portões de “Safe”

Os segredos atrás dos portões de “Safe”

Harlan Coben é um excelente autor de livros policiais. Logo, era certo de que Safe teria uma narrativa tão intrigante quanto os livros escritos por ele. E foi exatamente assim.

Desde que a série foi anunciada no início desse semestre fiquei curiosa. A premissa de segredos dentro de uma comunidade fechada é sempre promissora. Ainda mais com Michael C. Hall no elenco. Porém, mais do que isso, o que prende o espectador do primeiro ao último episódio de Safe é a forma que essa narrativa é construída. Quase como um quebra-cabeça e que envolve não apenas Tom Delaney (Michael C. Hall) e suas filhas, mas todos os moradores dessa comunidade.

No primeiro episódio Jenny (Amy James-Kelly), a filha mais velha de Tom desaparece. A garota não volta para casa e ele começa a procurar por ela dentro do condomínio. A cada campainha tocada, o espectador vê um pedaço do que foi a última noite de Jane. Conforme a busca continua dias adentro, Tom e seu colega Pete (Marc Warren) acabam esbarrando em outros segredos sem querer. O que vai balançar essa comunidade que parece ser perfeita, mas, está bem longe disso.

Como dito acima, o grande trunfo de Safe é possuir uma construção narrativa bem similar a qual Harlan Coben apresenta em seus livros. Existe um plot principal, todavia, outros mini plots vão se desenvolvendo ao redor desse o que agrega mais à trama como um todo. Aqui tivemos quatro mini plots que estão conectados ao desaparecimento de Jenny. E são:

PROFESSORA PEDÓFILA?

O primeiro mini plot a surgir foi o de Zoe Chahal (Audrey Fleurot). Sophie (Amanda Abbington) e Emma (Hannah Arterton) receberam a denúncia de que a professora de francês estaria envolvida romanticamente com um de seus alunos. Acontece que Zoe também mora no condomínio, está com problemas conjugais com o marido Neil (Joplin Sibtain) e seu filho mais velho Chris (Freddie Thorp) é namorado de Jenny, filha de Tom.

O DESAPARECIMENTO DE CHRIS

Não foi apenas Jenny que sumiu durante a festa dada na casa de Sia Marshall (Amy-Leigh Hickman). Chris Chahal também está desaparecido e presume-se que os dois estejam juntos, por serem namorados. Mas, conforme Tom segue sua investigação, descobre que a filha saiu sozinha da festa. E depois nós aprendemos (ainda no primeiro episódio) que Sia encontrou o corpo de Chris boiando na piscina da sua casa, levando-a a encerrar a festa mais cedo e chamar seus pais. Dando início a outro mini plot em paralelo.

A POLICIAL ENXERIDA

Sem sombra de dúvida a chegada de Emma a essa pequena cidade levantou suspeitas. Não demora a moça está de tocaia em seu carro fotografando um homem que percebemos ser Pete, o amigo e colega de trabalho de Tom. Quando questionada sobre sua transferência ela conta que perdeu o parceiro num acidente e que o motorista havia fugido. O que dá a entender que Pete talvez seja esse motorista fujão e ela está atrás dele por justiça. Mas, a verdade está bem longe disso.

A ESPOSA

Tom desenterra tanto segredo dos vizinhos quanto da sua própria esposa. O que dá a entender é que eles foram morar ali no condomínio por causa dela. Por ela ter ligação com aquele lugar. Não demora para que descubra muito sobre o que ela costumava fazer enquanto ele estava no hospital trabalhando. Algo que lhe tira do prumo e o faz questionar todos os segredos que ela escondeu dele e as razões.

E apenas quando desvendar todos esses segredos é que Tom vai ficar mais próximo de encontrar a sua filha. Safe lida ainda com questões de confiança e comunicação. Seja entre Tom e suas filhas, as quais acabou por se distanciar mais após o falecimento da esposa. Ou mesmo entre os vizinhos. O quão bem ele conhece todas essas pessoas ou pensa que conhece? Quem elas são de verdade e até onde estão dispostas a ir para manter seus segredos a sete chaves? Para não abalar a percepção que as demais pessoas tem delas?

A primeira temporada de Safe – e aparentemente a única – tem um ritmo bem dinâmico e que vai manter o espectador atento. Com uma montagem e edição bem feitas, nenhuma resposta é entregue de bandeja e tampouco é possível adivinhar o que vai acontecer a seguir. Não há elementos clichês e todos são vítimas e culpados em potencial. É preciso assistir até o final para aprender o desfecho de todos esses segredos que tiveram início quando Jenny Delaney sumiu.

Ficha Técnica
Criador: Harlan Coben 
Diretor: Julia Ford, Daniel O'Hara, Daniel Nettheim 
Elenco: Michael C. Hall, Amy James-Kelly, Amanda Abbington, Freddie Thorp, Louis Greatorex, Hannah Arterton, India Fowler, Raj Paul, Joplin Sibtain, Hero Fiennes Tiffin, Marc Warren, Emmett J Scanlan, Amy-Leigh Hickman, Nigel Lindsay, Audrey Fleurot, Rohan Nedd, Karen Bryson, Katy Carmichael, Laila Rouass, Imogen Gurney, Isabelle Allen
Duração: 8 episódios