Share
Por trás das câmeras em “Star Trek: Sem Fronteiras”

Por trás das câmeras em “Star Trek: Sem Fronteiras”

A verdade é que muita gente não tem noção do trabalho que requer produzir um longa até ele chegar nas salas de cinema. Só quando vemos cenas de gravações é que começamos a ter uma leve ideia de tudo o que precisa ser feito.

Como aqui em Star Trek: Sem Fronteiras onde a maioria das cenas de ação é feita em silêncio, os atores precisam escorregar para trás a fim de fingir que a nave tombou, há correria e tiroteio também em silêncio, maquetes de locações que parecem enormes, mas são, bem, pequenas. E tudo isso só funciona graças a famosa magia do cinema. Com os efeitos adicionados depois, a mixagem de som, a trilha sonora, os barulhos ambientes e etc, etc.

Ao todo são dez minutos de descontração entre o elenco, alguns erros de gravação e muita, mais muita curiosidade acerca de como um filme desse nível é feito.

E não perca Star Trek: Sem Fronteiras nos cinemas.