Share
Premiere: “Outlander”

Premiere: “Outlander”

Existem algumas séries que são excelentes, mas, por qualquer motivo, acabam não ganhando o espaço devido em canais a cabo. É o caso de Outlander.

A série do canal um tanto desconhecido Starz é baseada na saga de mesmo nome escrita pela autora Diana Galbadon, que foca nas desventuras da enfermeira Claire Randall ao se ver perdida em uma floresta e descobrir que voltou no passado para a época em que os ingleses e os escoceses lutavam em uma sangrenta guerra.

Ao se dar conta de onde está, a cabeça de Claire fica ainda mais confusa quando ela encontra seu marido Frank. Mas, o homem está com vestes da guarda inglesa e diz ter outro nome. Ela acha que se trata de alguma brincadeira de mau gosto e se surpreende quando o homem, que agora tem certeza não ser seu marido, a ataca e tenta violentá-la. Por sorte ela é salva por um misterioso cavaleiro que lhe leva para junto dos seus, um grupo de escoceses que estão fugindo do exército britânico. Aos poucos, percebendo que tudo aquilo é de fato real, a moça tenta se adequar ao local se apresentando com outro nome e prestando seus serviços como enfermeira. Um deles está com o ombro deslocado e Claire, tendo servido na Primeira Guerra, sabe muito bem como lidar com esse tipo de ferimento e também, com a grosseria dos homens. O chefe deles, Dougal tem suas suspeitas à respeito da moça e decide levá-la para encontrar seu irmão. No caminho ela vai cavalgando com Jamie, o mesmo rapaz do qual tratou o ombro e nota que o terreno por onde passam é familiar.

capaout

Imediatamente lhe vem a lembrança de seu marido e uma história (já que ele se interessa bastante por seus antepassados e toda a história da guerra entre Inglaterra e Escócia) que ele lhe contou sobre como os ingleses costumavam se esconder em altas colinas e atacar os escoceses de surpresa. Na mesma hora ela dá um sinal para o grupo que retrocede, levantando ainda mais as suspeitas de Dougal. Presa àquela época, Claire precisará tomar cuidados redobrados com seu comportamento e tentar encontrar uma maneira de voltar para o seu tempo e principalmente, para o seu marido. No entanto, todos os seus planos serão frustrados por BlackJack Randall, o ancestral de seu marido que vê nela uma ameaça, como também algo a ser conquistado. Não necessariamente de modo romântico.

A série possui em sua primeira parte um total de oito episódios com duração de quase 60 minutos cada episódio. Bem elaborados, com roteiro fiel ao livro (tendo participação da autora), um cenário de tirar o fôlego e elenco primoroso, Outlander promete conquistar a todos, principalmente os que forem fãs de história e gostarem da temática de Game of Thrones já que é um tanto parecido. Sem mencionar a riqueza da cultura escocesa que nos é mostrada de forma tão detalhada e o fato de que alguns pontos mencionados, são historicamente corretos.

Os atores não são tão conhecidos do público, mas não quer dizer que deixem a desejar, muito pelo contrário. A dupla Claire e Jamie, vividos pelos atores Caitriona Balfe e Sam Heughan funcionam enquanto casal, pois possuem bastante sintonia. Tobias Menzies está ótimo nos dois papéis que precisa interpretar e a mudança de um para outro é tão sutil e delicada, mas ainda assim, bastante marcante, nos fazendo lembrar o incrível trabalho de Tatiana Maslany em Orphan Black.

Ao todo já são oito livros lançados (isso mesmo, oito longos livros) e é possível encontrar os volumes um e dois em português pela Editora Saída de Emergência. Ah! Não há previsão de quando a saga irá terminar. Já a segunda metade da primeira temporada tem início em Abril desse ano.

Veja aqui o trailer: