Share
Preparados para “Guerra Civil II”? Já começou!

Preparados para “Guerra Civil II”? Já começou!

Parece que os meses de Maio e Junho foram escolhidos pelos dois maiores selos de quadrinhos para lançarem suas novidades. Enquanto a DC Comics surpreende os leitores com novidades como a existência de três Coringas em Gotham, um novo selo retrô e a linha editorial Rebirth, a Marvel Comics faz o mesmo e muda a essência de um dos personagens mais populares, além de dar continuidade a uma das maiores sagas do selo: Guerra Civil. A saga original foi publicada há dez anos atrás e agora temos novos times e casualidades já na primeira edição.

Na edição #0 temos um primeiro alinhamento de como estão as coisas para alguns personagens que vão ser os principais condutores dessa trama.

cwdc1

Jennifer Walters, aka She-Hulk, está cumprindo seu papel humano de advogada e tentando livrar um cliente de voltar para a prisão sendo que ele já cumpriu a pena a qual foi condenado. Temos Rhodey sendo convidado pelo presidente americano para ser o Secretário de Defesa dos Estados Unidos e dá indícios de que ele poderá sentar na cadeira do salão oval mais cedo do que pensa. Ao menos o presidente prefere ele ao Tony Stark. Carol Danvers, aka Capitã Marvel e líder dos Ultimates, e submetida a uma sessão de terapia forçada, confessando que adoraria poder prevenir o mundo de grandes catástrofes porquê não sabe lidar com as consequências delas.

Entretanto, o principal desse quadrinho, que pode ser considerado uma espécie de prólogo da saga, é o acontecimento das últimas páginas. Uma névoa de terrígeno toma conta de um campus universitário e acaba transformando um estudante e o local para sempre. É uma revista pequena, tem apenas 23 páginas, porém essencial para apresentar pontos chaves como a participação dos Inumanos, além de outros esclarecimentos que vão ser discutidos a partir da próxima edição.

cwdc2

Na edição #1 da revista vemos esse estudante ser resgatado pela Medusa e demais membros dos Inumanos. Semanas depois os heróis estão em Manhattan lutando contra uma ameaça monstruosa e é preciso a força combinada de todos eles para que seja destruída e assim, salvar a cidade. Na noite seguinte, todos se reúnem na Stark Tower para comemorar o feito, mas nem tudo corre como o esperado, pois Tony estranha como os Ultimates, em especial a Danvers, soube antes da ameaça e acaba tendo conhecimento do Ulysses, o estudante que foi atingido pela névoa de terrígeno e agora possui o poder de prever o futuro. É graças a ele que os Inumanos ficam sabendo da ameaça e avisam a Danvers e aos demais. Enquanto a Capitã Marvel pula na oportunidade e até oferece uma posição dentro dos Ultimates para o rapaz, Stark se mostra arredio a essa descoberta e teme as consequências de interferir em crimes antes mesmo que eles aconteçam. Ele e Danvers batem de frente e o assunto não é resolvido, com Stark deixando o recinto e afirmando que deveriam ter mais cuidado com as informações providas por Ulysses.

cwdc3

E o que o Stark previa acaba acontecendo três semanas depois quando a Capitã Marvel e outros heróis tentam parar um ataque do Thanos, o que causa a morte de dois personagens: She-Hulk e Máquina de Combate, esse último elevando a ira do Tony Stark e lançando de vez numa luta contra a Capitã Marvel.

Por mais que os quadrinhos estejam belamente ilustrados, dando gosto de observar com atenção quadro a quadro, o roteiro, por enquanto, está deixando um pouco a desejar e lembrando de leve a trama de Minority Report – A Nova Lei, não o filme, mas o conto do autor Phillip K. Dick. Impossível não fazer a comparação com essa premissa de proteger o futuro e mudar o futuro, as quais os personagens do Homem de Ferro e Capitã Marvel, respectivamente estão defendendo. Não ficou claro o impacto dessa nova saga nos demais quadrinhos da Marvel, tendo em vista que todo esse universo é interligado. Todavia, é cedo para levantar qualquer especulação sobre o rumo da trama e como esse embate e a participação de demais personagens será desenvolvido.

cwdc4

O lado bom que dá para destacar é a participação ativa de alguns nomes que ficaram apagados na primeira saga como Doutor Estranho, por exemplo, e mesmo os Inumanos, que aqui fazem as vezes dos X-Men tal qual foi há dez anos atrás.

A edição #2 sai em 15 de Junho e provavelmente será o pontapé da batalha entre Capitã Marvel e Homem de Ferro.