Share
Review: “Joy: O Nome do Sucesso” decepciona

Review: “Joy: O Nome do Sucesso” decepciona

gradedmaisOs lançamentos do cinema nesse começo de ano podem ser resumidos em uma única palavra: biográficos ou biopics. Falam de superação, resiliência, furos jornalísticos, relatos fraudulentos e aí por diante. Alguns são bons, outros são excelentes e tipos como Joy: O Nome do Sucesso faz com que você saia do cinema sem saber  o que pensar.

O terceiro filme do trio Jennifer Lawrence, David O’Russel e Bradley Cooper chega a beirar o absurdo algumas vezes e fica difícil acreditar que aquilo ali é de fato a narrativa da vida de alguém devida a abordagem descuidada que possui. Mas é.

Lawrence vive a intrépida Joy que mesmo tendo uma família insana para cuidar conseguiu atingir um sucesso estrondoso ao desenvolver uma espécie de esfregão milagroso, que era o nome original do produto. Mesmo desacreditada por seu pai e com a constante inveja da meia-irmã ela foi em frente e superou todos os obstáculos que terceiros colocaram em seu caminho. Isso sem esmorecer uma única vez ou sentir que sua ideia não valia nada. Provável que esse seja o único ponto positivo em todo o longa que não se salva nem com o elenco, nem com a atuação de sua protagonista. Aliás, não há nada de novo em sua performance, dando indícios de que talvez trabalhar constantemente com o mesmo diretor esteja minando a chance de Lawrence de evoluir enquanto atriz. Porém, é uma escolha apenas dela.

joyon

A trama que gira em torno da ascensão de Joy Mangano ao mundo das invenções parece mais uma daquelas histórias surreais que lemos vez ou outra pela internet. Todavia, parece que foi assim mesmo que aconteceu e quando questionada sobre a postura de alguns familiares a retratada apenas se limita a dizer que “somos uma típica família italiana.” Bem, duvido muito que toda família italiana seja assim.

Entretanto, não é só isso que destoa na produção. A edição prejudica e muito a narração da história como se fosse de fato um programa de televisão, onde as transições de uma cena para outra parecem mais a inserção de comerciais e quando voltamos para o filme, ele se encontra num ponto diferente de antes do corte. O que acontece diversas vezes, mesmo antes da personagem chegar a oferecer seu produto na televisão.

Joy: O Nome do Sucesso promete decepcionar os fãs da atriz e aponta que é a hora do trio maravilha seguir rumos diferentes a fim de evoluírem suas respectivas carreiras.

legendagrades1